Quinta-feira, 13 de Agosto de 2009

Não havia dinheiro, não havia dinheiro, mas ei-lo que aparece sempre em alturas cruciais. Como se lembra e bem aqui: «O PS criticou Santana Lopes, quando este era presidente da Câmara, por ter encomendado um projecto de 2,2 milhões de euros (caríssimo, diziam eles) para o Parque Mayer ao arquitecto Frank Gehry, um dos melhores arquitectos do mundo. Agora, António Costa esbanja 1,6 milhões de euros no Parque Mayer para fazer campanha eleitoral». 

Parafraseando Chico Buarque, «tanta légua a nos separar»: De um lado quem pretendia investir em obra arquitectónica de referência. Do outro alguém que prefere desperdiçar os dinheiros públicos numa monumental festa da cerveja e, mais do que provável, ainda dar palco à sua CLAAC de apoio. Vou esperar para ver a programação da dita festarola e confirmar quantos dos nomes, entre os artistas participantes, vão coincidir com os da propagada inteligentzia "costista" subsídio-dependente.  



publicado por João Villalobos às 21:10
link do post

Comentar:
De
  (moderado)
Nome

Url

Email

Guardar Dados?

Este Blog tem comentários moderados

(moderado)
Ainda não tem um Blog no SAPO? Crie já um. É grátis.

Comentário

Máximo de 4300 caracteres




Autores
Pesquisa
 
Posts recentes

T

Vou continuar...com todo ...

2001 ... 2009

Palavra de funcionário

A verdadeira razão

O António pelas Costas

Junta de Freguesia do Ori...

Grandes entrevistas

por uma questão de confia...

O Administrativo e o Admi...

Mais comentados
Últ. comentários
poertooooooooooooooooooooooooo
Foi bom saber que o Campo de Santana vai continuar...
Acho que faz muito bem em continuar...Lisboa pode ...
O mais sensato é votar Santana Lopes. Chega da máq...
Boa tarde Vasco,E um deles voa!!!Ainda vamos vêr, ...
Arquivo

Junho 2010

Outubro 2009

Setembro 2009

Agosto 2009

tags

todas as tags

Links
Subscrever feeds